A Liga Croata de Esperanto recebeu o Prêmio Cigno 2014. A escolha deveu-se a 91 iniciativas tomadas pela entidade com o fim de divulgar a Língua Internacional neutra na imprensa. A premiação é concedida anualmente pela Fundação Cigno, comandada pelo milionário japonês Etsuo Miyoshi, a uma instituição que trabalhe em prol da difusão do Esperanto na mídia.
     
   
Foi criada em Sorriso, no Mato Grosso, a Associação Educativa Artístico-cultural Esperantista. A entidade passará a representar o estado junto ao Conselho Federativo da Liga Brasileira de Esperanto. A instituição nasce comprometida com a formação intelectual do cidadão, através do fomento à arte, cultura, ensino e difusão da Língua Internacional neutra. A biblioteca da nova associação recebeu mais de 100 títulos, doados pela Liga Brasileira de Esperanto.
     
   
No dia 16 de julho será realizada em Londres a exibição pública do filme “The Universal Language”, do cineasta norte-americano Sam Greene. Em seguida, ocorrerá uma oficina, intitulada “A Língua Universal da Esperança”. A iniciativa faz parte do projeto The Floating Cinema e conta com o apoio da Associação Britânica de Esperanto.
     
   
Uma pesquisa realizada pela Universidade de Edimburgo, na Escócia, sugere que o estudo de uma segunda língua retarda o envelhecimento do cérebro. Os efeitos positivos do bilingüismo seriam obtidos mesmo se a atividade for iniciada em idade adulta. Foram examinadas 272 pessoas, entre onze e 70 anos. Os pesquisadores concluíram que em todas as faixas etárias houve sensível melhora em itens como leitura, fluência verbal e inteligência geral. Os resultados foram publicados nos Anais de Neurologia.
     
   
Entre os dias 16 e 23 de agosto, esperantistas católicos e evangélicos vão realizar o XX Congresso Ecumênico de Esperanto. As atividades terão lugar em Trento, no norte da Itália. O tema do evento é “O Cristo está divido?”. A programação prevê missas, cultos, palestras, passeios e apresentações artísticas. A organização é de responsabilidade da União Internacional Católica Esperantista e da Liga Internacional Cristã Esperantista.
     
   
A cidade de Araraquara, na região central do estado de São Paulo, promoverá o próximo Congresso Paulista de Esperanto. As atividades vão acontecer nos dias 18 e 19 de outubro. De acordo com o site da Associação Paulista de Esperanto (EASP), estão sendo agendadas reuniões para visitas aos locais onde o evento será realizado. A organização está sob a responsabilidade do grupo esperantista local, coordenado pelo professor Alex Cesário.
     
   
A Câmara Brasileira da Língua Internacional Esperanto (CBLIE) e a companhia Z Editorial publicaram o livro Breve Panorama da Língua Internacional Esperanto. Os autores são Pedro Cavalheiro e Luiz Carlos Russilo. A obra faz um levantamento do uso e do ensino do idioma em âmbito nacional e mundial. Ao final, os autores tratam das qualidades pedagógicas e educacionais da criação de Zamenhof.
   
   
Nos dias 28 e 29 de janeiro de 2015 acontecerá no Rio de Janeiro o Oitavo Encontro Brasileiro de Esperantistas Espíritas. O tema do evento será Esperanto: uma porta para a confraternização humana. As atividades terão lugar na sede histórica da Federação Espírita Brasileira, no centro da cidade.
   
   
O Esperanto foi tema de uma das palestras que fez parte da programação do Flisol/2014 (Festival Latinoamericano de Instalação de Software Livre). O evento foi realizado no dia 26 de abril, no SESC de São Carlos, no estado de São Paulo. O Delegado da Associação Universal de Esperanto e membro da diretoria do Clube de Esperanto de Araraquara, Alex Cesário, palestrou para 35 participantes sobre o tema “Comunicação Internacional, Democracia Linguística e Software Livre”. Na apresentação, Cesário estabeleceu as diversas similaridades entre o software livre e o idioma. Abordou também a importância da língua para os que utilizam e atuam como ativistas em favor do software livre.